Respostas às perguntas

Até um pouco de álcool deixa uma marca no feto

Até um pouco de álcool deixa uma marca no feto


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

O consumo de álcool das mulheres grávidas pode levar a sérias conseqüências e à síndrome alcoólica fetal. Embora esperemos que todas as mães sejam claras, 300 bebês nascem com síndrome alcoólica fetal a cada ano.

Até um pouco de álcool deixa uma marca no fetoÉ um fato bem conhecido que o feto é exposto a substâncias valiosas e prejudiciais no corpo da mãe durante a gravidez. A placenta não fornece apenas vitaminas, mas também nicotina, drogas e álcool. O álcool também é passado através da placenta para o feto, que ainda é incapaz de decompô-lo, acumulando-se nos órgãos do feto. Também impede que o oxigênio e os alimentos cheguem aos órgãos. O álcool na placenta é a principal causa de danos ao sistema nervoso fetal.No primeiro trimestre, o consumo de álcool da mãe é o pior, mas neste último, o consumo de álcool da mãe também é prejudicial e anormal. Vários estudos descobriram que mesmo a menor quantidade de álcool causa danos leves: o consumo regular de 2dl de vinho por dia também acarreta o risco de dar à luz menos peso. , regularmente e por um período de tempo, e as condições gerais da mãe. Existem três sintomas principais desse distúrbio congênito, que incluem danos a múltiplos órgãos.Um grupo de sintomas é o rosto:
  • pequeno espaço na cabeça,
  • olhos minúsculos
  • lábio superior fino
  • Eu meio que gosto
  • testa baixa
  • dobras de pele cobrindo os cantos internos dos olhos
  • alisamento entre nariz e lábio superior
  • rosto achatado.
O segundo grupo de sintomas é a falta de crescimento (persistência no peso e comprimento do corpo). O terceiro sintoma diz respeito ao sistema nervoso central:
  • retardo no mentol
  • transtorno de déficit de atenção
  • viselkedйszavarok
  • beszйdzavar
  • dificuldades de aprendizagem
  • distúrbios de coordenação
  • visualização e audição.
Além disso, pode haver doenças cardiovasculares e anormalidades no estágio final. A prevenção é a melhor cura para a síndrome alcoólica fetal; portanto, se você quer um bebê, evite consumir álcool.Artigos relacionados sobre Síndrome alcoólica fetal:
  • O consumo materno de álcool afeta as características faciais do bebê
  • Deformidade facial específica da síndrome do álcool fetal
  • Nem um copo!



Comentários:

  1. Thatcher

    Parece -me, você é direitos

  2. Sall

    conto de fadas

  3. Kekazahn

    Sinto muito, mas, na minha opinião, eles estavam errados. Vamos tentar discutir isso.

  4. Zulura

    Você está errado ... especificamente errado

  5. Seabroc

    Há algo nisso. Obrigado por sua ajuda com este problema. Eu não sabia.



Escreve uma mensagem